Lugares altos

























Texto Base: Gênesis 41: 37-44

Introdução: Na vida temos duas alternativas ou crescemos, prosperamos, avançamos, ascendemos, ou vivemos na mediocridade. Tudo acontece por causa de uma decisão. 

Infelizmente muita gente passa pela vida sem de fato viver, pois vivem a mercê da sorte, não sonham, não tem objetivos concretos.  Precisamos desmistificar definitivamente esse conceito de o que tem que acontecer simplesmente acontece. Deus quer nos abençoar, nos levar a níveis elevados de crescimento, mas Ele só o fará mediante as decisões, aos planos e projetos que apresentamos diante Dele.

No salmo 37:4 está escrito que Deus realiza os desejos que já estão em nosso coração. Se temos um sonho, um objetivo de vida que, obvio, sejam legítimos, que se harmonizem aos princípios bíblicos, certamente Deus vai abençoar.   

José foi um homem que desde muito cedo tinha um projeto de crescimento, ele sonhava com a prosperidade. Ele sabia que um dia Deus o colocaria em uma posição de governo e que estaria inclusive acima de seus irmãos. Ele sonhou e Deus realizou. Aproximadamente aos 30 anos se tornou o governante da mais poderosa de sua época.
  
Em todo histórico da vida de José observamos que ele tinha tudo para viver outra realidade. Ao invés de governador, poderia ter paralisado na condição de escravo, ou mesmo na condição de prisioneiro. Mas em frente as adversidades ele seguiu em frente por que confiava que o Senhor realizaria todos os seus sonhos.  

Assim como José você precisa desejar crescer, alcançar os lugares altos. Deus pode e quer te abençoar,  mas a benção do Senhor será sempre condicional, ela se manifestará a medida em que você se posicionar.

Vamos ver alguns que precisam ser encontradas na vida de que quer prosperar:

1) Tire os olhos da dificuldade e mantenha o foco no sonho

José sofreu muitas dores, enfrentou muitas dificuldades, foi lançado em um cova, foi vendido para os maiores inimigos de seu povo como escravo, no Egito foi acusado de assédio e condenado a prisão. Eram muitas as razões que poderiam torna-lo alguém frustrado, incrédulo. Poderia viver o resto da vida se lamentando até por que tudo parecia estar fora do eixo. Ele poderia, mas não o fez. José manteve o foco no sonho, pois sabia que Deus não está limitado as circunstancias.

Assim como José precisamos nos manter firmes e confiantes no Senhor. Podemos passar por lutas, mas elas nunca serão maiores que o poder de Deus. Os problemas podem se levantar, mas para quem tem foco eles não se eternizam.

2) Aproveite as oportunidades

Na casa de Potifar, José se empenhou e fez o seu melhor, ganhou a confiança do Egípcio e se tornou o mordomo. Na prisão novamente mostrou seu caráter fiel e leal e tornou-se braço direito do carcereiro. Quando foi chamado por Faraó para interpretar o sonho, tirou a barba, trocou a roupa e foi além da interpretação apontou a solução aos problemas.

A timidez, o medo e outros sentimentos limitadores precisam ser vencidos por quem decidiu prosperar.  Com fé, determinação e coragem podemos ir além.

Conclusão:  O conformismo é um dos maiores inimigos de um servo de Deus. Em nossa cultura infelizmente tem muita gente que está satisfeito, com o que já alcançou e vive na mediocridade, sem sonhar, sem desejar algo mais. Que vida de José nos inspire a vencer as barreiras e ir além, sair do nível em que nos encontramos e alcançarmos os lugares altos.

Compartilhar: