Amo ao Senhor e Sua Palavra




Texto Base: João 14:21

Introdução: Estamos vivendo em meio a uma geração dificílima, onde vários conceitos se levantam contra a nossa fé. Um desses conceitos afirma que aquilo que não tem comprovação não pode ser ensinado. Esse pensamento quer transformar a Palavra de Deus em um livro de estórias, uma coleção de textos alegóricos. Muitos debaixo dessa influência se levantam para questionar a criação, os valores e os princípios estabelecidos por Deus.

Outro conceito que está sendo amplamente difundido na intenção de calar a voz da igreja, diz que ninguém pode se opor a um pensamento contrário, afinal de contas cada ser é único e tem a sua própria verdade.

De forma alguma podemos aceitar esses pensamentos. A palavra de Deus não pode jamais ser relativizada, é verdade absoluta.  Deus criou sim todas as coisas e isso inclui o homem e a mulher. Não somos um produto da evolução das espécies, Deus com suas próprias mãos moldou o homem, soprou em suas narinas o folego da vida, depois ele mesmo tirou do homem uma costela e formou a mulher. O homem pecou? Sim pecou, mas a Bíblia diz que Jesus veio a esse mundo na forma de homem, morreu, mas ao terceiro dia ressuscitou e trouxe de volta o direito a redenção eterna.

Precisamos ser radicais no que diz respeito a fé na Palavra de Deus. O Apóstolo Paulo escrevendo Aos romanos deixou bem claro que “não podemos tomar a forma do mundo”. (Rm 12:2). A bíblia expressa com muita clareza o que agrada e o que não agrada a Deus, logo precisamos observa-la e segui-la.

Esses conceitos que hoje se levantam com força, na verdade já existem a séculos e todos os que caminharam por eles tiveram um fim trágico. Podemos citar por exemplo:

1) Saul - I Samuel 13:6-9

Saul achou que podia fazer as coisas a sua maneira, de acordo com o seu próprio pensamento. Não esperou o profeta, antes usurpou uma posição que não era sua, desprezando completamente a unção e o manto que havia sobre Samuel.
Nossos apóstolos, pastores e líderes estão investidos de uma unção que é do Senhor, logo quem despreza o manto que há sobre eles está desprezando o Senhor. Você pode ter uma posição elevada na sociedade, mas Deus escolheu e levantou sacerdotes para estar a frente do Seu povo. Nossa sociedade não consegue compreender isso e assim como Saul pensa que pode fazer as coisas do seu jeito.

Existe uma forma de se fazer casamento hoje onde os noivos dispensam as autoridades espirituais e elegem alguém de sua confiança para os abençoar. Infelizmente os índices de divórcios estão crescendo cada vez mais. Coincidência? Avalie de acordo com a Palavra. 

Saul além de desprezar o profeta, não obedeceu integralmente a ordem de Deus de exterminar os amalequitas,  preservou o rei e o melhor do gado. O resultado: morreu precocemente e seus descendentes perderam o direito lhe suceder no trono de Israel.

2) Sansão - Juízes 16:1-4

Sansão foi outro que se perdeu por tentar fazer a sua maneira movido por suas próprias emoções e vontades. Um líder escolhido por Deus, dotado de força, inteligência, mas que desprezou a Palavra de Deus.

Deus queria a derrota dos filisteus e Sansão foi levantado com essa missão. Com passar do tempo mesmo tendo a oportunidade de cumprir a vontade de Deus, usou essa oportunidade para se prostituir. Ao invés de satisfazer ao Senhor viveu para satisfazer seus próprios desejos e vontades. Resultado: Também morreu precocemente, cego, escravo.


Conclusão: Nosso principal objetivo nessa terra deve ser sempre agradar ao Senhor. O mundo anda na contramão da vontade de Deus e colhe os resultados trágicos, mas nós somos diferentes, amamos a Deus e por amar recebemos e guardamos os Seus mandamentos.  

Compartilhar: