Eu escolho Deus

Texto Base: Lucas 10: 38-42

Introdução: Às vezes em nossa vida espiritual agimos como Marta, acreditamos que podemos impressionar a Deus pela quantidade de trabalho que desenvolvemos. O que esquecemos é que, o que realmente importa para Deus não é o que fazemos, mas quem somos. Podemos nos dedicar intensamente a “obra de Deus”, e desprezar o Deus da obra.

Marta teve o privilégio de receber Jesus em sua casa, mas andava tão distraída em muitos serviços que perdeu a oportunidade de desfrutar de Sua presença.  Talvez Marta estivesse pensando estar certa, afinal de contas estava tentando deixar sua casa mais agradável para Jesus, mas o  trabalho a impediu de desfrutar de Sua presença.

Não há nada errado trabalhar pelo bem estar da família, pelo crescimento da igreja, é errado colocar os afazeres antes da comunhão Deus. Quando colocamos o fazer acima do relacionamento, então estamos equivocados em nossas motivações.

Hoje precisamos escolher esta boa parte:

1) Estar aos pés Jesus.

Maria ficou se assentou aos pés de Jesus. Isto aponta para uma profunda adoração. O que imediatamente nos lembra outra mulher: A mulher do vaso de alabastro que veio até Jesus e fez o que nenhum dos seus doze haviam feito, quebrou o vaso e com seus cabelos ungiu a Jesus. O Mestre entrou na casa e pela tradição ele deveria ter pelo menos seus pés lavados. Mas os donos da casa não tinham consciência que um rei estava ali,  mas uma mulher que talvez nem tivesse sido convidada, não só lavou seus pés, mas ungiu oferecendo ao Rei um perfume de muito valor.

2) Estar ouvindo Jesus.

Enquanto Marta se ocupava com os serviços domésticos, Maria abriu seus ouvidos para Jesus.

A fé vem pelo ouvir. Em João 5:1-9 encontramos a história de um homem que há 38 anos sofria de  paralisia. Nestes 38 anos já tinha ouvido muitos conselhos, muitas sentenças. Mas um dia ele ouviu uma voz diferente, ele ouviu uma que dizia: Toma o teu leito e anda. Sua vida nunca mais foi a mesma depois que ele ouviu aquela voz.

Hoje esta mesma voz, a voz de Jesus fala ao teu coração levanta toma o teu leito e anda, não temas eu sou contigo, você é vencedor, eu vou te dar livramentos.

Dar ouvidos a voz de Deus me faz vencer todo o medo, paralisia, ameaças do inferno. É a parte que não pode ser tirada.

Conclusão: Quando estamos conscientes de que nada é mais precioso que estar na presença de Deus, então nossas motivações estão corretas.


Em Mateus 6:33 está escrito: Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. É interessante que sabemos, mas nem sempre fazemos isso. Consciente dessa realidade, vamos sempre hoje também escolher a melhor parte.

Compartilhar: