O Poder da Fé

Texto Base: Mateus 8:23-27

Introdução: Todos nós sabemos que Deus ao formar o homem do pó da terra, deu-lhe vida soprando em suas narinas. Nesse sopro Deus compartilhou com o homem de Sua essência. Deus é ilimitado e no sopro da vida estava a essência do ilimitado, logo podemos afirmar que Deus criou o homem para viver sem limites.

Infelizmente o homem se contaminou com o pecado e como consequência passou a viver de forma limitada. O que antes era possível se tornou impossível, a mente não mais conseguiu conceber o sobrenatural e até mesmo o poder de Deus passou a ser limitado pelo homem. Mas, Deus não tem limites e deseja que o homem viva sem limites. Fomos criados pra viver no sobrenatural, a eternidade foi plantada em nós, por isso precisamos romper os limites, precisamos aprender ou reaprender viver pela fé.

Viver sem limites é literalmente viver no poder da fé. A fé não impõe limites, a fé nos faz ver além do que os olhos naturais podem ver, a fé traz a existência o que não existe.
Pelo pecado passamos a viver de forma limitada, mas pelo sacrifício da cruz é possível resgatar a essência do ilimitado plantada em nós na criação.

Jesus e os discípulos atravessavam o mar da Galileia e no meio da travessia uma se levantou uma grande tempestade. Mesmo diante da força das águas, do perigo iminente de naufrágio, Jesus dormia. Os discípulos, no entanto desesperados, sem saber o que fazer, temendo por suas vidas correram até Ele e o acordaram, clamando: Senhor, salva-nos! Perecemos! No meio daquele desespero, Jesus acorda e faz uma pergunta: Por que sois tímidos, homens de pequena fé? E em seguida levantou-se, repreendeu os ventos e o mar; e fez-se grande bonança. Para Jesus não havia limites, ele transformou água em vinho, curou, ressuscitou mortos, deu vista a cegos, multiplicou pães e peixes, acalmou a fúria do mar. E isso foi possível por duas razões:

A primeira: Jesus não tinha seu coração contaminado com nenhum sentimento limitador

Diante da fúria do mar e dos ventos aqueles homens ficaram sem saber o que fazer, nem mesmo entre si iniciaram uma conversa para tentar encontrar uma solução. A única reação que tiveram frente a tempestade foi a de chamar Jesus.

Jesus acordou, mas antes de resolver o problema pergunta: Por que sois tímidos, homens de pequena fé? Toda pessoa que acolhe a timidez vive impedido de viver o ilimitado porque o tímido tem dificuldade de se impor como autoridade, de se expressar, de se relacionar.
Precisamos abrir o nosso coração para cura e nos livrar de todos os sentimentos que limitam.

A segunda: Jesus tinha consciência da autoridade que tinha. Sabia quem Ele era.

Quem entende a autoridade que tem, já deu o primeiro passo para exercê-la. Enquanto os discípulos estavam aflitos, temendo por suas vidas, sem nenhuma consciência da autoridade que havia sobre eles, Jesus exerceu a autoridade e acalmou a tempestade.

O exercício da autoridade é fundamental para quem quer viver no ilimitado. Os discípulos ficaram maravilhados com a autoridade que havia sobre Jesus por que com apenas uma ordem ele pôs fim a tempestade. Sua família só será salva a partir do momento que você com autoridade anunciar o evangelho de salvação. A cura que você necessita só se manifestara no dia em que você declarar que o poder da enfermidade está neutralizado pelo poder do nome de Jesus.


Conclusão: Tudo é possível ao que crê!  Foi confiando nessa verdade que Jesus deu ordem e o vento e o mar obedeceram. É tempo de voltar ao projeto inicial de Deus, é tempo de viver o ilimitado!

Compartilhar: