Princípios para prosperidade - Parte 1

Texto Base: Malaquias 3:8-12

Introdução: Todo mundo quer sempre receber o melhor de Deus, quer desfrutar de suas promessas, mas muitos estão esquecendo que o Reino de Deus é movido por princípios. Precisamos voltar a essência da Palavra, agir como homens espirituais abrir mão de sentimentos e viver por princípios. Quando caminhamos por princípios os resultados 
aparecem, a benção se manifesta.

Um dos princípios que desatam prosperidade, a benção de Deus é o principio da fidelidade nos dízimos e ofertas. O texto que lemos o profeta questiona sobre a possibilidade do homem roubar a Deus e ele mesmo traz a resposta dizendo que muitos roubam ao Senhor nos dízimos e ofertas, muitos dão a césar o que é de césar, mas metem a mão no que é de Deus. 10% de tudo o que vem a nossa mão devem ser devolvidos ao Senhor acompanhados ainda de ofertas voluntárias.

Os dízimos e ofertas são comparados a sementes, logo não podemos comer e nem deixa-las apodrecer, temos que planta-las e isso no tempo certo do plantio. Somente a alma generosa prosperará. A alma que retém o fruto, a alma que se fecha para abençoar esta nunca vai prosperar.  O apóstolo Paulo compartilha conosco este segredo. Em II Co 9:6 a 11 (Leia)

Precisamos viver este princípio e compreendendo que se generosamente plantamos, certamente colheremos com abundancia.

Deus tem pressa e hoje você sairá daqui batizado na generosidade e autorizado a prosperar. Agora escute algo: para que isto aconteça:

Em 1º Lugar – Deixa Jesus transformar o teu coração.

Jesus é o nosso referencial maior de generosidade. Jesus nunca negou pão, nem mesmo atenção. Jesus possuía um coração aberto, um coração generoso para abençoar. Certo dia Jesus pregava para uma grande multidão, três dias se passaram e a multidão continuava com Ele,  Jesus despede a multidão, mas percebe que eles não tinham o que comer, e alguém generoso, oferece tudo o que possuía, cinco pães e dois peixes. Jesus multiplica e a multidão é saciada.

Temos que lançar fora toda avareza e egoísmo e deixar brotar em nossos corações a GENEROSIDADE, para sermos dizimistas e ofertantes na casa de Deus.

Em 2º Lugar – Deixa Jesus transformar tua visão

Uma visão embaçada é um grande empecilho para prosperidade. Tem gente que por falta de visão diz: eu não vou dar dinheiro pra pastor. Daí não dá para o pastor, para a igreja, para a obra de Deus, para o próprio Deus, mas dá para prostituição, para bebida alcoólica, para o diabo.

Que nesta noite a tua visão se abra e você compreenda que o nosso Deus é um Deus abençoador e que não fica devendo nada a ninguém.

Muitos tem uma visão distorcida acreditando que o dizimo é do velho testamento. Para essas pessoas eu sempre mostro que também é possível viver o padrão do Novo testamento. Leia Atos 2:43-45 e veja que no padrão da igreja primitiva eles vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister, ou seja, não era apenas 10%, mas tudo.

Conclusão:  Decida ser fiel ao Senhor nos dízimos e ofertas e veja as janelas do céus sendo abertas sobre sua vida e família.  Semana que vem vamos falar sobre as primícias.


Compartilhar: