Ajustando a vida para receber a grande colheita


Texto Base: Deuteronômio 6:17-18

Introdução: Estamos vivendo um tempo muito precioso onde Deus decidiu ampliar nossa colheita. É desejo de Deus fazer isso, Ele quer que seu povo coma o melhor dessa terra, alcance os lugares altos, mas para vivermos essa realidade, precisamos compreender que somente um corpo ajustado, uma casa em ordem prospera.

Ajustar a vida requer obediência, honra. Muitos dizem com os lábios que Jesus é Senhor, mas com as atitudes provam ao contrário. Não caminham de acordo com suas palavras, mentem, enganam, e são enganados, pelo diabo.

Há demônios trabalhando nas igrejas para cegar o entendimento e assim gerar filhos desobedientes, desordenados, desorganizados, fora da palavra, em vícios. O inimigo sabe que uma casa fora de ordem, não tem direito a prosperidade.

A promessa de Deus precisa se cumprir em nossas vidas, mas precisamos organizar tanto nossa casa física, quanto a espiritual. A organização que necessitamos é adquirida através da Palavra de Deus.

A Bíblia apresenta muitos princípios que desatam bênçãos, que fazem o servo de Deus viver uma vida ajustada, organizada, mas há um em especial que precisa ser observado: o princípio da honra.

A honra quando praticada na maioria das vezes vai mexer com os seus ideais, vai mexer com os seus planos, propósitos, vai fazer você abrir mão de muita coisa em favor dos outros, mas for cumprida vai trazer muita felicidade ao coração de Deus e ao seu coração.

Hoje infelizmente esse princípio está sendo desprezado, há uma rebelião contra autoridades, há desonra por toda parte, há engano, há desordem. Nas escolas, alunos se levantam contra professores, nas casas os filhos se levantam contra os pais e até mesmo dentro das igrejas, ovelhas se levantam contra seus pastores. O deus da desonra está corrompendo o mundo.

Muitos caminham dentro de uma anarquia produzida por satanás, sua casa não tem ordem, sua família não tem ordem, seus negócios não tem ordem, sua vida emocional não tem ordem, sua vida financeira é bagunça.

Hoje é dia de mudança, é dia de decidir viver de acordo com mandamentos e princípios do Senhor.

Conclusão: Em Ezequiel 36. 26-30 O Senhor diz que vai trocar o coração do seu povo por um coração sensível, inclinado a obediência aos seus mandamentos e então cumprirá sua promessa de entregando nas mãos de seu povo o trigo, o fruto da terra.

Deus quer ver sua Igreja amadurecer em honra e em santidade, em obediência, e em justiça, tem que valer o preço pago por Jesus naquela cruz em amor.

É tempo de decidir ficar cego para o diabo, para as críticas, para o que se acha, para as vontades, os hábitos do mundo, e abrir os olhos para a honra, a obediência.


O diabo quer gerar o máximo de filhos na desonra. Enquanto é tempo rejeite todo o tipo de desonra e volte a inocência. Deus quer liberar sobre sua vida uma grande colheita.

Compartilhar: