Nos braços do Pai estou seguro

Texto Base : Salmo 27


INTRODUÇÃO: Que maravilha é poder ler um texto como este onde a expressão de confiança do escritor é explicita. Imagina alguém dizer: “Quando os malvados, meus adversários e meus inimigos, se contra mim, para comerem as minhas carnes, tropeçaram e caíram. Ainda que um exército me cercasse, o meu coração não temeria”.

Este salmo foi escrito por Davi e toda esta confiança era fruto de intimidade com Deus. Num período onde muitos temiam até pronunciar o nome de Deus, Davi se relacionava com Deus como um filho deve se relacionar com seu pai.

Já nas suas primeiras lutas contra o leão e o urso, ou mesmo contra Golias Davi se sentia plenamente protegido ao lado do Pai e assim vencia todas as batalhas.

Assim como Davi precisamos caminhar ao lado de nosso Pai.

Davi confiava plenamente em Deus por duas razões:

1º) OUVIA  A VOZ DO PAI.

No livro profeta Isaías 1:19 esta escrito: “ Se quiserdes, e me ouvirdes, comereis o melhor desta terra”. .

Num mundo humanista onde aprendemos a ser seletivo, ou seja, só ouvimos o que nos interessa e quem nos é interessante e quando nos convém, Deus está convocando seu povo a atentamente ouvir sua voz. É chegada à hora de acalmar o coração, lançar fora a ansiedade, aquietar a alma, quebrar as barreiras que impomos em relação a Pai e abrir bem os ouvidos para ouvir a doce voz do Bom Pastor.

Ouvir a voz do Pai é estar disponível para Ele, é estar disposto a obedecer a seus conselhos mesmo que sejam contrários aos nossos desejos e vontades. Ouvir a voz de Pai é estar na estrada que conduz a uma vida vitoriosa.

2º) NÃO DESPREZAVA A COMPANHIA DO PAI

Davi foi um homem que teve uma série de falhas, mas o seu coração estava convicto de que Deus era mais importante que o mundo, fama, fortuna, mulheres.

Leia o Salmo 51:10-12.

Quando estamos ao lado do Pai nos sentimos seguros. No mundo natural quando uma criança sente medo, corre para os braços do pai, se refigia em seus braços.

CONCLUSÃO: Deus nos convida hoje a entrar num novo patamar de relacionamento com Ele. Ser íntimo, compartilhar os segredos, as alegrias e as tristezas, caminhar em fidelidade, numa aliança que vai às últimas conseqüências. 

Compartilhar: